Pedal do Oito (Faxina e Bugre)

Neste sábado fizemos um pedal que já a algum tempo queria completar. O “famoso” Pedal do Oito. Este nome foi eu e o Markito que batizamos, pois ele junta dois outros pedais: a Faxina e o Bugre. O Pedal da Faxina fica à direita da BR Curitiba-Ponta Grossa, e o do Bugre fica à esquerda.

A primeira vez que fiz o pedal da Faxina foi em 2008; depois repeti algumas vezes. O Bugre fizemos algum tempo depois. E daí que tivemos a ideia, juntos os dois pedais em um só. E o nome veio do formato que este pedal faz no mapa, que lembra o número 8.

A rota foi: Fábrica da Itambé; subida pela BR até São Luiz do Purunã; descida pela Faxina; Cimentão; subida (de novo) pela BR; Fazenda Thalia; Bugre; volta até a Fábrica da Itambé.

Saímos pelas 08:45h e o tempo estava ótimo; um sol maravilhoso sem nenhuma nuvem no ar. Mesmo assim estava um pouco frio e fomos agasalhados. O que nos surpreendeu foi o vento no segundo planalto, que estava muito forte; uma verdadeira ventaca. Chegou uma hora em que pegamos vento lateral e diversas vezes pedalávamos com a bike inclinada, tamanha a força que nos empurrava para o lado.

Fomos em quatro pessoas: Peterson, Markito, Toby (amigo alemão do Markito) e eu.

O pedal fechou em 70km cravados (viu Toby) em seis horas.

Veja abaixo o vídeo que o Peterson editou:

Comments

  1. Xampa says:

    só visual. belo passeio.

  2. Moisés Marcus Retka says:

    Ola, bom dia a todos. Ótimo pedal este, apesar de eu não conhecer bem este caminho que vocês fizeram, mas o mais importante é movimentar o corpo. Também fiz o meu treino mas o meu foi no sentido contrário, contorno até a Régis Bittencourt e até o portal da estrada da graciosa, bom pedal. Boa semana a todos. Moisés M. Retka

  3. george says:

    Curti! Ótima opção para o ultimo treino longo antes da Ultramaraton de Los Andes 😀

    Ótima empreita!

  4. Matheus says:

    Legal!!! Quando der vou fazer esse pedal.
    Abraços.

  5. Ficou show de bola este roteiro, e a altimetria quanto deu ?

  6. Rodrigo Stulzer says:

    Putz, pior que não sei. O único gps que tinha só foi usado um pouco. Não tenho nem ideia 🙁

    Mas ficou legal. É tudo relativamente próximo e tem um bom equilíbrio entre chão/asfalto e subidas/descidas.

  7. Marco Barbosa says:

    Pô faltou o vídeo!

    abraços

    Marco

  8. Peterson says:

    Em breve termino de editar um pequeno vídeo e envio.
    Abraço

  9. markito says:

    Bão e pesado!!!!!