A Essência do Mountain Biking

Nesta semana o meu amigo Renato Pedaleiro publicou uma foto muito legal de duas pessoas descendo de mountain bike uma estrada com um visual lindíssimo. A foto é uma montagem, mas isso não importa!

O que importa é que ela despertou em mim um sentimento muito legal. Achei na hora que aquela imagem representava a essência do Mountain Biking.

Quase todos os elementos de um bom pedal estão lá: o downhill infinito, a estrada de terra, a natureza exuberante e as montanhas. E a montagem multiplica, em proporções Everestianas, a montanha em que o casal se encontra. Até a curvatura da Terra aparece!

Tá, eu sei que aquilo é fruto de uma grande angular, mas, e daí? Pare de ser chato e aproveite a imagem. Viaje comigo! 🙂

E quem viajou legal, mas com propriedade, foi o Rogério Leite, que notou onde a montanha fictícia se encontra:

Ih, repararam que a “montanha” é na Africa do Sul, que a tal “ilha” é o resto da Africa com a Europa no fundo (como se vc estivesse numa montanha na Africa do Sul olhando para o norte, do espaço!)?

Aquele downhill é o sonho de qualquer mountain biker. Sei que no Peru tem algo parecido, mas nem de longe é tão bonito como este.

A imagem dá uma sensação incrível de aventura. Não sei se é por causa da altura em que estão, da estrada em si, ou do ângulo da foto. Só sei que a aventura explode com tudo, embalada pela leve poeira que salta de cada bicicleta.

A Mountain Bike é sinônimo de liberdade, de poeira, estradas de chão e muito vento na cara. E cada um tem uma preferência, um estilo de pedal. E a maioria gostaria de estar nesta foto, descendo por quilômetros seguidos, até a praia lá embaixo, curtindo e aproveitando a maravilha que é o contato com a natureza.

Comments

  1. xampa says:

    Belo Post, bela imagem.
    Comprei uma speed e confesso que não estou gostando nada. Crise existencial, hehehehehe…
    Não gosto da posição, não gosto de andar em um pneu que parece que vai estourar a qq momento, não gosto de ficar preso ao asfalto, acho esse negócio de posição aero chato pra cacete, heheheeh …
    Estou até pensando em me desfazer dela e da minha hibrida e comprar uma MTB para rodar por aí, o que realmente curto. Comprei por causa do triatlhon, mas as vezes tenho vontade de fazer e as vezes nao. Crise existencial de novo, hehehehehe …
    Sempre andei muito de bike pela cidade, mas nada profissa, simples mesmo.
    Gosto de ter uma bike que sirva para tudo.
    Enfim, estou repensando tudo.

  2. Bruno says:

    Conheço alguns malucos que gostariam é de subir um uphill desses… Tem doido pra tudo mesmo 🙂

    @xampa Fique com a híbrida de pneus lisos (1.0) e venda a speed e compra uma MTB. Eu fiz isso e não arrependo!

  3. Roberto says:

    Se alguém descobrir quem fez essa montagem ele merece um prêmio! ficou excelente mesmo! to tentando achá-la em alta resol. mas não tá fácil. Diga onde achou Renato!