30 Dias para o Sucesso

O grande problema de quem quer iniciar (ou retomar) uma atividade esportiva não é  começar, mas sim manter a regularidade. Começar todos começam, empolgadíssimos! Agora, seguir no plano inicial, dia após dia, é quando a maioria falha. Quero passar aqui um método muito simples, mas que pode fazer a diferença para quem quer atingir algum objetivo pessoal: os 30 Dias para o Sucesso.

Ouvi falar primeiro deste método por volta de 2005, no blog do Steve Pavlina, e usei-o para aprender o básico da corrida. Mas como funciona então este método que pode nos fazer seguir com um objetivo e não desistir no meio do caminho?

Bem, até dá vergonha de tão simples que é, mas já que você quer saber, vamos lá! 🙂

O Método

O método defende que, para que você se acostume com uma atividade, seja ela qual for, deve praticá-la por 30 dias consecutivos. Segundo o autor, somente desta maneira pode-se realmente incorporar aquela prática, fazendo com que a pessoa transforme-a em um hábito.

Tá, mas e daí? O que faço depois dos 30 dias? Bem, daí é com você. Pode-se simplesmente parar e nunca mais voltar a fazer aquilo; pode-se continuar por mais 30 dias, ou pode-se mudar de atividade. Tudo depende de sua vontade. E o interessante é isso mesmo. Acredito que o sucesso do método é só exigir uma coisa de você: que se comprometa a fazer aquilo por 30 dias seguidos, faça chuva ou faça sol. Como o tempo de dedicação é pequeno, e você não tem obrigação de mantê-lo depois, é fácil encarar o desafio.

O Meu Exemplo Pessoal

Quando li o artigo achei interessante e resolvi aplicá-lo em algo que nunca tinha aprendido e nem gostado. Resolvi correr 30 dias seguidos. Eu acordava toda manhã, tomava um café rápido e ia até o Parque Barigui, fazendo uma volta na pista menor (3.300m). Dia após dia fazia a mesma coisa: acordava, ia até o parque e corria. Lembro que nos primeiros dias fiquei com dores nas pernas, mas estava feliz.

Para ajudar a controlar o meu progresso fiz uma planilha onde colocava a data, o tempo da corrida e alguma observação do que havia aprendido. E foi assim que aprendi o básico da corrida: sincronizar a respiração com as passadas, controle de ritmo e recuperação.

A partir do vigésimo dia eu comecei a sentir uma dor na planta do pé (que hoje acho que era uma fascite plantar), mas não desisti; corria com o pé doendo mesmo. Nos últimos dias a dor estava bem maior e até a mais leve caminhada me fazia mancar. Mesmo assim não desistir e continuei correndo, até atingir o objetivo dos 30 dias consecutivos de corrida. Na última corrida cruzei a minha chegada imaginária e levantei os braços, com uma grande sensação de vitória!

A poucos dias resolvi que precisava melhorar o meu alongamento e também as minhas flexões, então retomei o método. De novo fiz uma planilha e agora, todos os dias, logo após acordar e antes de dormir, faço alguns minutos de alongamento e de flexões. Estou no dia nove e continuarei firme por mais 21.

Finalizando…

Você pode experimentar o método em qualquer atividade física que te interesse: seja correr, pedalar, fazer musculação ou outra coisa que precise de um pouco de estímulo. Serve até para qualquer outro aspecto da sua vida que precise de um empurrãozinho! Mas lembre-se: se comprometa e faça a atividade por 30 dias seguidos, sem faltar ou pular nenhum. No final dos 30 dias é só decidir se quer parar ou continuar a atividade, tornando-a agora um hábito que não precisa de tanto controle assim.

Caso você resolva aplicar o método, deixe uma mensagem nos comentários abaixo e informe o seu progresso. Vou ficar curioso em saber os resultados!

Comments

  1. Vou tentar fazer uma sequencia de alongamentos pela manhã.

    Contarei os resultados aqui.

  2. xampa says:

    Concordo que a repetição leva ao hábito.
    Mas, stressar o corpo da mesma forma por 30 dias seguidos é perigoso. Veja a sua fascite.
    Agora, acho que alongar é o grande caminho para eternidade física. É a hora de recuperar o desgaste de contração do musculo, mas tb é preciso ter calma. Acompanhar e diferenciar as dores é importante.
    Depois de uma olhada no livro http://miud.in/2it Eu comprei e vale a pena. Tem muitos alongamentos e eficazes.

  3. Rodrigo Stulzer says:

    Oi Xampa!

    Na verdade não interessa a atividade, mas sim o método. Se correr 3km todo dia não é legal para quem está começando, é só correr menos. Pode ser 1km, 500m ou até 100m! O que interessa é que ele faça isso todos os dias, durante 30 dias. A corrida foi só um exemplo.

    Abraços!

  4. JOKA says:

    Karakas man, esse texto é minha cara !!!! rs Puts corro todos os dias a 4 anos só não vou falar direto pq de vez enquanto eu descanso…rs Tipo no domingo !!!! Como vc pode ver em meu blog de seg. a sexta é fatalite eu correr, já no sábado continuo só que com mais kms (o famoso longão) Tudo isso sozinho as vzs ouvindo musica as vzs com freq. outras vzs só de shorts e tênis. Mas todo dia eu corro, pode chover, fazer calor, ter temporal e raios, já tive todos os tipos de dores hj estou legal pq aprendi a respeitar o uso do tênis, aprendi a me hidratar, comer alimentos que me curem de certas inflamações, tipo gengibre, cebola, alho, frutas e outras coisas. Quando pega grandão eu tomo um relaxante muscular, um deta-lhe interessante eu uso as meias de compressão em casa depois dos treinos. No outro dia estou novinho !!! kkkk Inicio os treinos da semana depois do trabalho. Já nos fds inicio logo cedo e assim já se passaram 4 anos nessa pegada e graças a mesma completei uma ultra e estou indo p/ outra… Ahummmmmmm Bons treinos e parabéns pela matéria…

  5. Ana Bellé says:

    Vou tentar e depois te conto! Bjs

  6. Denise says:

    Gostei da sugestão dos 30 dias. Realmente o lance é perseverar! Vou aplicar ao meu probleminha (que resolvi fazer a partir da semana que vem)
    um abraço!

  7. […] início do mês escrevi um artigo intitulado 30 Dias para o Sucesso, onde eu mostrava que qualquer atividade deveria ser executada por 30 dias seguidos para virar um […]

  8. […] Acho que o melhor incentivo é ter um objetivo. Qualquer um começa, mas o problema é continuar. […]

  9. […] a treinar por 30 dias seguidos! Já fiz um artigo exclusivo sobre este tema: 30 Dias para o Sucesso. A experiência de se dedicar por 30 dias a uma atividade é gratificante e traz uma auto-estima […]

  10. Éverton says:

    achei mto boa a idéia e vo começa hoje mesmo com apoios, brigado pela dica ;}