A Nova Dama do Pedaço

No dia 21 de abril foi o meu aniversário. Aproveitei e fizemos uma janta em casa para a família e os amigos. Noite legal, pessoal maravilhoso, um bom vinho e algumas massas. Tudo perfeito, até que o Natan resolveu ler um bilhete para mim. Sorte que minha mãe filmou bem na hora, e dá para ver neste link no youtube ou no vídeo incorporado abaixo:

O que, surpresa? Nossa, me enganaram direitinho. Saí para fora e adivinha o que achei?

Não foi um punhado de peças, mas sim uma bike inteirinha, novinha! Será que não era um sonho?

Que nada, era tudo verdade! A Bel tramou a surpresa com o Marco. Eles foram até a Hunger Bikes e até tentaram ver se conseguiam algum acessório para a minha saudosa Trek 820, mas não tinha mais jeito, ainda mais para uma senhora de 16 anos de idade.

A Bel, paciente como é, resolveu perguntar como ficaria o esquema de uma bike nova. O Hunger sorriu e começou a montar as pecinhas: quadro Giant, grupo Shimano Alivio, suspensão RST Titan e outras gostosuras mais. “Pronto, pode embrulhar”, disse a Bel 🙂

Fiquei feliz da vida, nem esperava! Há, e também ganhei este rack EQMAX super legal da minha mãe (obrigado de novo!!). Ele é muito prático: uma pessoa só coloca a bike sem esforço em cima do carro.

Daí não deu outra, marcamos um pedal para estreiar a nova dama do pedaço.

O legal é que o Claro e o Marcelinho levaram os filhos Vitor e Cauê para pedalar juntos. É a nova geração botando força no pedal! O passeio foi legal, tirando o Marcelinho ter que parar para encher o pneu umas cinco vezes e trocar de vez na última. Há, além disso o câmbio dele quebrou e o conserto foi na estrada mesmo, já de noite. 🙂

Mas tudo vale a pena se estamos praticando esportes, ainda mais com os amigos.

Da bike não posso falar muito ainda. Tenho que pedalar uns bons quilômetros para ter uma ideia melhor das inovações; a tecnologia mudou muito neste tempo. Os quadros agora são rebaixados (sloop), a relação de marchas está mais leve, a posição de pilotagem mudou e assim vai.

Na verdade vou ter que reaprender a pedalar, mas isso será um prazer 🙂

Com certeza este foi o melhor aniversário que tive na vida. Nem tanto pela bike. Ela só foi a cereja em cima do sorvete numa janta super especial, com pessoas que moram no meu coração.

Comments

  1. […] bicicleta. Não tem jeito, a paixão pelo pedal voltou com tudo. Ainda mais depois de ganhar uma bike nova da minha maravilhosa amiga/namorada/esposa Bebel! Assim não tem jetito, tenho que […]

  2. […] dê uma olhada nestas fotos. Elas são de três passeios diferentes. A segunda (de noite), foi quando ganhei a minha bike nova. As outras noturnas são do Pedal Noturno Rumo ao Vale do Rio Sagrado. Todas as outras foram do […]